MIOCARDITE AGUDA DE ORIGEM VIRAL EM PACIENTE DE 19 ANOS, DIAGNÓSTICO E EVOLUÇÃO: RELATO DE CASO

Larissa Braga Silva, Beatriz Iris Santos, Janaína Gatto, Leandro Shigueru Ikuta Ueda, Rui Manuel de Souza Sequeira Antunes Almeida

Resumo


A Miocardite Aguda de origem viral é uma miocardiopatia que tem como agente etiológico um vírus, principal fator causal nos países em desenvolvimento. Os adultos jovens são a faixa etária mais acometida pela doença, assim como os homens se constituem no sexo de maior prevalência. A maioria dos pacientes é assintomática, mas quando sintomáticos, a dispneia, a dor torácica e as arritmias se configuram nos principais indícios da doença. Um fator importante para impulsionar este estudo é a heterogeneidade da apresentação clínica dessa doença, junto a isso, tem-se a biópsia miocárdica como exame “padrão-ouro” no diagnóstico, tornando dificultosa a identificação dessa doença, já que se trata de um exame custoso e de difícil acesso. O artigo tem como objetivo relatar caso de um portador de miocardite aguda viral de 19 anos e compreender qual a apresentação clínica nessa faixa etária. Descrever quais as modificações trazidas pela patologia, tais como alterações laboratoriais, acompanhamento médico, quantidade e tipo de medicamentos impostos ao portador. Ainda, pretende-se fornecer embasamento teórico sobre a Miocardite Aguda Viral que esteja relacionado ao caso em estudo, a fim de permitir uma efetiva compreensão do artigo. A metodologia do trabalho consiste em um estudo transversal, com abordagem descritiva, que relatará o caso de um único paciente, de 19 anos, portador de miocardite aguda de origem inflamatória viral. O estudo está embasado em anamnese detalhada juntamente com exames laboratoriais e de imagem, com o intuito de detectar quais são suas alterações fisiológicas e anatômicas para melhor elucidação do artigo.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.