FATORES DE RISCO PARA DESENVOLVIMENTO DE SÍNDROME DE BURNOUT EM ESTUDANTES DE MEDICINA APÓS FORMADOS

Stéfany Caroline Jubainski da Silva, André Brusamolin Moro, Thaísa Parmezan Rodrigues, Grabriel Orige Rauen, Patrícia Barth Radaelli

Resumo


A Síndrome de Burnout (ou Estafa Profissional) é uma patologia relacionada a extenuantes e duradouras jornadas de trabalho que envolvam uma carga de estresse elevada. Seus principais sinais e sintomas são psicológicos, relacionados a despersonalização, indiferença social, depressão, irritabilidade e que, posteriormente, podem acarretar sintomas físicos, tais como fadiga em excesso e cefaleia. A Síndrome de Burnout é uma doença em crescimento principalmente em médicos. Métodos: Foram entrevistados, por meio de questionário estruturado, 67 estudantes do 4° ano do curso de Medicina cursando o 7° período acerca dos fatores de risco para o desenvolvimento da Síndrome de Burnout que estes possam já estar inseridos. Conclusão: Dentre os 67 acadêmicos pesquisados concluiu-se que o grupo estudado não possui fatores de risco predisponentes para o desenvolvimento da Síndrome de Burnout depois de formados.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.