A APLICAÇÃO DAS AÇÕES DE RESPONSABILIDADE SOCIAL DE FORMA ÉTICA COMO FERRAMENTA DE DESENVOLVIMENTO E SUSTENTABILIDADE EMPRESARIAL

Rodrigo Anzoategui, Josefa Moreno Delai

Resumo


Este artigo científico procura investigar os fatores relevantes para as comunidades e para as organizações, fatores estes que são resultados das ações de Responsabilidade Social (RS) dentro de um contexto empresarial de busca constante de Desenvolvimento, ou seja, tem-se como objetivo salientar as características essenciais que compõem os projetos sociais empresariais como diferencial e como capacitor de melhores oportunidades para os negócios da empresa, tais como, crescimento na lucratividade e ampliações de forma geral. Contudo, tornando estes projetos ferramentas adicionais de sustentabilidade. Essa intenção de colocar em prática projetos para a minimização dos danos ao meio ambiente e/ou para a diminuição da exclusão social tem como objetivo amenizar os impactos dos fenômenos que fragilizam as comunidades, demonstrando, assim, que as organizações estão agindo de forma ética, devolvendo ao seu meio os subsídios que utilizaram como forma de captação de recursos e riquezas. Paralelamente, avaliar as características da construção da imagem dessas empresas que são socialmente atuantes, de forma positiva junto aos seus clientes externos, aos fornecedores e aos seus colaboradores, demonstrando assim, sua preocupação com o bem estar de sua sociedade. Enfatizar que a mesma sociedade outrora destacada e a opinião pública, cada vez mais, estão “punindo” as organizações que se utilizam do conceito, – e nada além do conceito, que utilizam pseudo-ações de RS como trampolim para sua imagem e seu desenvolvimento, sem uma preocupação ética com essas ações – realizando assim a substituição por empresas verdadeiramente comprometidas com atividades sociais responsáveis e éticas. Todavia, as empresas atuam diretamente na sociedade de forma holística, modificando o ambiente (setor) no qual ela atua e ocupando um papel importante como agentes na procura e obtenção de um desenvolvimento sustentável. Conceitualmente, demonstra-se os possíveis impactos decorrentes de ações socialmente responsáveis por parte da iniciativa privada, instigando os empresários em relação às vantagens eminentes de se praticar a responsabilidade social com aplicação dos conceitos de ética empresarial, sobretudo, o constante crescimento da organização, obtendo resultados positivos dentro de um cenário de exigências crescentes e de competitividade constante.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.