AVALIAÇÃO DAS CRIANÇAS BENEFICIADAS PELO PROGRAMA ESTADUAL “LEITE DAS CRIANÇAS” NO MUNICÍPIO DE CAFELANDIA/PR

Nanci Rouse Teruel Berto, Luciana Oliveira de Fariña, Andreia Bertuzzo, Patrícia Paula Skowronski, Gabriela Yasmin Porfírio

Resumo


O Programa Paranaense Leite das Crianças consiste na distribuição gratuita de um litro de leite enriquecido para as crianças de 6 a 36 meses e apresenta normas que devem ser seguidas tanto pelo poder público quanto pelos beneficiários. Por ser uma política pública deve ser monitorada frequentemente para averiguar sua efetividade e identificar o potencial para novas ações. Nesse sentido o objetivo deste artigo foi apresentar a avaliação nutricional das crianças e a percepção que os responsáveis pelas crianças têm sobre o programa no município de Cafelândia. Observa-se que 98% reconhecem a facilidade em se cadastrar e 33% reconhecem que a pesagem mensal é um critério para permanecerem no programa, 49% consideram o leite distribuído melhor que o comprado no mercado por possuir mais vitaminas. Observou-se também que em setembro de 2016, 86,4% das crianças se encontravam com peso adequado para a idade e 11,4% com peso elevado para a idade e em 2017 o peso adequado para a idade também prevalecia. Mesmo com as estratégias desenvolvidas pelo município para avaliar as crianças não conseguiram atingir 100% dos beneficiários e parece que esta é uma realidade estadual, tanto que esta preocupação está relatada nas atas da comissão técnica do programa. Ressalta-se aqui que o profissional nutricionista é habilitado para monitorar as políticas públicas relacionadas à alimentação infantil, haja vista a necessidade constante acompanhamento de ações como: avaliação nutricional, aleitamento materno e introdução da alimentação complementar importantes para  minimizar e até evitar males no desenvolvimento das crianças brasileiras.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.